ACESSAR PLATAFORMA

Consórcio de veículos: como funciona, vantagens e riscos

5/16/2022 Paulo Amaro Da S. M. Santos

Modalidade tipicamente brasileira, o consórcio de automóveis é visto como uma das formas mais baratas e mais comuns de se adquirir um carro ou uma moto no Brasil. Segundo matéria publicada na ABAC (Associação brasileira das Administradoras de consórcio), podemos afirmar que 1 veículo a cada 3 veículos leves comercializados no País foi potencialmente viabilizado pelo consórcio.

O consórcio de veículos é uma forma de autofinanciamento desenvolvida no Brasil e usada por milhões de pessoas para adquirir um bem móvel. São muito tradicionais os consórcios de automóveis e motocicletas, modalidade que  vem ganhando cada vez mais espaço na economia brasileira para compra de carros e motos. Mas como funciona o consórcio de veículos automotores?

Como funciona o consórcio de veículos?

Resumidamente, uma administradora do consórcio reúne um grupo de pessoas que têm o objetivo de comprar um veículo. No consórcio, elas guardam dinheiro juntas todos os meses. E a cada mês, o valor das parcelas pagas por todos os participantes do grupo é usado para que pelo menos um deles faça a sua aquisição com a carta de crédito.

Todo mês a administradora realiza uma assembleia para sortear um ou mais participantes. O sorteado receberá uma carta de crédito no valor definido no contrato e poderá usá-la para comprar seu veículo leve ou pesado.

No consórcio de automóveis, os participantes também podem dar as mais diversas formas de lance para assim tentar antecipar a contemplação. Os maiores lances levam a carta de crédito.

Quais os custos de um consórcio de veículos

Diferente do financiamento, no consórcio de veículos não existe o pagamento de juros. O consorciado, em contra-partida, tem de arcar com os custos da taxa de administração, do seguro que é opcional e de outras taxas como o fundo de reserva.

Todas essas taxas juntas costumam representar cerca de 20% do valor do veículo. Por isso, antes de fazer um consórcio de automóveis, é importante calcular qual é o custo total no final daquela operação de crédito, incluindo todas essas taxas.

Além disso, no consórcio de veículos, tanto as parcelas quanto o crédito sofrerão reajustes baseados no preço do bem na fábrica! Isto é. sempre que o valor do bem no fabricante for atualizado, o valor da carta de crédito será reajustado.

Para quem vale a pena o consórcio de veículos?

A melhor forma de comprar um carro ou moto é comprar à vista. No financiamento tem juros, no consórcio tem taxa de administração, já à vista você não paga nada alem do preço do carro, ganhando também poder de negociação com o vendedor.

Mas é claro que muitas pessoas não tem condições de comprar à vista, dando a possibilidade de financiar ou fazer o consórcio.

O consórcio será a melhor opção para você que não tem a possibilidade de comprar à vista, pode esperar para fazer a aquisição do veículo e não quer pagar os altos juros do financiamento.

Mesmo que seja uma modalidade mais barata que o financiamento, o consórcio de automóveis só é interessante para certos perfis de pessoas. Para alguns outros, pode acabar atrapalhando o processo de aquisição do bem. Por isso, veja aqui para quem o consórcio de automóveis vale a pena:

Para quem não tem pressa para ter o veículo

O consórcio é a melhor opção para quem pode esperar: uma pessoa que está poupando em adquirir um carro para o filho, mas ele ainda não é maior de idade ou ainda não tirou a CNH ou alguém que planeja comprar um segundo carro para usar de reserva, por exemplo.

O importante é entender que pessoas possam esperar, não precisam necessariamente fazer um consórcio de veículos para ter o seu carro, porém, por meio desse caminho, podem investir seus recursos com segurança até que seja possível realizar a aquisição do carro ou moto.

Para quem já tem dinheiro para dar um bom lance

Se você puder fazer um lance equivalente a metade do valor do consórcio, por exemplo, tem uma chance enorme de obter a carta de crédito antes de ser sorteado e assim conseguir fazer a aquisição do seu tão sonhado veículo. Se conseguir dar o lance campeão, pode comprar o carro, usar ele como fonte de renda e amortizar as próximas mensalidades com o uso do veículo como Uber, por exemplo.

No entanto, é importante ressaltar que não existe nenhuma garantia de que isso acontecerá. Mesmo oferecendo um lance alto, pode ser que alguém ofereça um maior. Se o grupo for competitivo, mesmo oferecendo o pagamento antecipado de parte considerável do saldo devedor, é possível que você não consiga sua carta de crédito naquele mês.

Para quem não quer se descapitalizar

Em tempos de crise como o atual, uma das coisas mais importantes é ter uma reserva de emergência. Se desfazer dessa reserva atualmente pode não ser a melhor opção, por isso comprar à vista é sim perigoso. Com o consórcio você consegue comprar o seu automóvel e não expor parte da sua reserva e acabar se descapitalizando.

O consórcio permite que você compre seu carro sem mexer no dinheiro que já havia sido acumulado.

Quais as desvantagens do consórcio de veículos

É importante ressaltar que apesar das enorme vantagens do consórcio para as mais diversas situações, existem alguns casos que fazem com que o consórcio não seja o melhor caminho para comprar o seu veículo.

é importante entender que quando faz um financiamento o consumidor adquire imediatamente o carro que lhe interessa. No consórcio, isso acontece mediante a contemplação dessa cota.

Há ainda outras desvantagens além do tempo de espera para ter o bem no consórcio de automóvel, como as seguintes:

O preço do carro pode subir

O principal risco é o preço do carro ou moto que você pretendia subir muito na fábrica e a correção da carta de crédito não ser suficiente para comprar o veículo desejado. No consórcio de veículos, tanto o valor da carta de crédito quanto o saldo de parcelas é corrigido periodicamente por um índice previsto no contrato.

Na maioria das vezes o preço é regulado de acordo com o valor do bem na fábrica, o que de certa forma resolve essa questão!

Se você tem pressa, o consórcio pode não ser a melhor opção

Alguém que precise do veículo com urgência corre riscos se optar pelo consórcio. Em um grupo com duração de 100 meses, por exemplo, a chance de ser sorteado nos primeiros meses é pequena.

Quando alguém financia um carro ou moto, tem o dinheiro necessário para a aquisição imediatamente. Então se você tem pressa o financiamento é melhor para você.

Consórcio de veículo tem análise de crédito

Pessoas com o nome sujo, que não comprovem renda e/ou tenham o score no banco baixo, irão ter dificuldade para fazer um consórcio de automóveis. E mesmo que a administradora permita que alguém nessa situação entre em um grupo de consórcio, pode exigir que a pessoa apresente um fiador responsável pela quitação do saldo devedor antes de liberar a o crédito.

A vantagem do consórcio nesse caso é que as parcelas são mais baixas, facilitando a aprovação!

Como fazer um consórcio de veículos?

Antes de tudo comece avaliando qual o valor de parcelas mensais do consórcio de automóveis que cabem no seu orçamento. A dica de ouro que deve ser seguida nunca comprometer mais de 30% da sua renda mensal com o pagamento de parcelas.

Quando tiver esse valor bem claro com você, o passo a passo é:

Escolha a melhor  administradora

Existem diversas formas de saber qual a melhor administradora de consórcio do Brasil. Uma delas é pesquisando no Banco Central. O BC divulga quais são as administradoras regularizadas por eles e quais possuem o maior índice de reclamações.

As administradoras com maior número de casos de reclamações divulgadas pelo Banco Central pode ser utilizado ao lado do Reclame Aqui, outra boa fonte para saber se uma administradora é boa ou não.

Outra dica valiosa é buscar a opinião de consultores independentes as administradoras que sejam especializados no produto.

Lembre-se, a segurança e facilidade dos processos são os mais importantes requisitos na hora de escolher qual a melhor administradora para gerir o seu consórcio de veículos.

Pesquise taxas e custos

Depois da segurança, o segundo critério a avaliar são as taxas. Pesquise bem as taxas de administração de cada consórcio. Mas lembre-se, nunca pense primeiro apenas no preço, e sim na segurança e agilidade, depois nos preços.

Faça comparação das taxas e outras condições de consórcios oferecidos por diversas instituições financeiras. Esse é o momento de colocar as contas na ponta do lápis.

Atente-se ao contrato

O índice de reajuste do consórcio está descrito no contrato. As formas de uso do consórcio também estarão lá descritas. Todos os detalhes da adesão, pagamento e faturamento da cota devem estar em contrato.

Leia ele com atenção para não ter imprevistos na hora de fazer o seu consórcio de automóveis.

Escolha um grupo

O consorciado não precisa entrar no início de um grupo de consórcio de veículos. Existe a possibilidade de, se um participante desistir, por exemplo, entrar na vaga dele nas mesmas condições estabelecidas no contrato original.

Cuidado com golpes

Desconfie de ofertas de consórcio de carros e motos com garantia de contemplação, isso não existe. Há golpistas que prometem isso sem ter como cumprir, afinal, não da para garantir que em um grupo será fácil de ser contemplado.Não há garantia disso.

Qual o melhor consórcio de carros?

Nós da Consorciocred acreditamos que as formas de saber se uma administradora é a melhor para você fazer o seu consórcio e com ele comprar seu carro ou moto estão escassas. Um índice de reclamações como o do Banco central ou o próprio Reclame Aqui não são suficientes para dizer se o consórcio é bom ou não.

O ideal seria um índice de acertos, e não de erros, afinal, o que define se um consórcio é melhor que  o outro é a qualidade do produto, e não a quantidade de problemas que ele gerou ou deixou de gerar.

E se eu não quiser mais meu consórcio de veículos?


Quem compra um consórcio de carros e motos e depois não consegue pagar as mensalidades restantes – seja pelo motivo que for – tem a alternativa de vender a cota.

Além disso, se não quiser vender, é possível reduzir o valor das parcelas solicitando na administradora a diminuição do valor da carta de crédito que será obtida no futuro.

Se mesmo assim a parcela não couber no orçamento, o jeito é vender a cota do consórcio de veículos para outra pessoa ou empresa de confiança. Nós da Consorciocred compramos consórcios e cartas de crédito.

Somos a melhor empresa do seguimento. Em anos de CNPJ, nunca tivemos nenhuma reclamação no Reclame Aqui e nem em nossas redes sociais, por isso, venda seu consórcio para a Consorciocred!

Agora que você já sabe como funciona o consórcio de carros e motos, certifique-se de que optou por um valor que consegue pagar mensalmente. Fique em alerta quanto ao prazo de pagamento e ao valor da parcela. Assim, conseguirá evitar dívidas no seu nome e garantir o seu carro ou moto ao final do consórcio.

Simule aqui a aquisição do seu consórcio
c

Quer receber mais informações sobre Consórcios

Deixe seus dados e te enviamos!

Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM

Compartilhe por:
Sugestões de posts para você

ConsorcioCred.com - Creci 119790 -
CNPJ: 05.099.104/0001-19

Rua São Bento 470 - SALA 410 - Centro - São Paulo - SP - CEP 01010-001

Ver no Google MapsPolítica de Privacidade